Por dentro dos nossos Produtos

Os nossos métodos alternativos aos testes em animais

chrono Tempo de leitura : 0 min.

A L´Oréal não testa nenhum dos seus produtos ou nenhum dos seus ingredientes em animais.

A segurança e a saúde dos nossos consumidores têm sido sempre uma prioridade absoluta para o Grupo L’Oréal. A Defesa da causa animal também é. A L’Oréal não testa nenhum dos seus produtos nem qualquer dos seus ingredientes em animais e é pioneira nos métodos alternativos há mais de 30 anos.

A L'Oréal realiza uma avaliação muito rigorosa da segurança de seus produtos, suportada pela Pesquisa.
Muito antes da questão dos testes em animais ser uma preocupação regulatória ou da sociedade civil, a L’Oréal já estava comprometida em encontrar novos métodos de avaliação de segurança que não envolvessem animais.
Assim, como verdadeira pioneira, a L’Oréal desde 1979 reconstruiu modelos de pele humana em laboratório para elaborar testes de segurança in vitro, como alternativa, como alternativa aos animais. Desde então, a L’Oréal tem um centro Episkin em Lyon (França), Xangai (China) e Rio de Janeiro (Brasil), onde são produzidos estes modelos de pele reconstruída.
Para além dos modelos de pele, a L’Oréal possui um grande número de ferramentas de avaliação preditiva sem recurso a animais, tal como a modelização molecular, sistemas avançados de toxicologia, técnicas de imagem e muitos outros.


image

A L'Oréal é pioneira em métodos alternativos há mais de 30 anos

Em 1989, a L’Oréal abandonou por completo os testes dos seus produtos em animais, 14 anos antes de ser obrigatório por lei. Atualmente, a L’Oréal já não testa os seus ingredientes em animais. A L'Oréal não tolera nenhuma exceção a essa regra.

Certas autoridades de saúde podem no entanto decidir conduzir elas mesmas testes em animais em alguns produtos cosméticos , como é ainda o caso na China.
A L’Oréal tem sido a empresa mais comprometida há mais de 10 anos junto às autoridades e aos cientistas chineses de maneira a fazer reconhecer os métodos alternativos e fazer evoluir a regulamentação cosmética em direção a uma eliminação total e definitiva dos testes em animais.
Assim, desde 2014, certos produtos fabricados e comercializados na China como os shampoos, géis de banho ou certos produtos de maquiagem (maquilhagem, PT) já não são testados em animais.

Descubra

Métodos alternativos a testes em animais

Reproduzir o vídeo

Descubra

As nossas últimas informações

Encontre aqui os temas mais recentes Por dentro dos nossos produtos.

  • A classificação das substâncias CMR

  • Traços (Vestígios, PT) de impurezas e de contaminantes

  • As noções de natural e de químico: a confusão dos generos!

  • Os selos: o que são e para que servem?

  • Bebes, crianças e grávidas : cuidados específicos

  • Aplicativos (Aplicações, PT) de beleza

  • A composição dos nossos produtos : o nosso conhecimento, a nossa expertise

  • Os disruptores endócrinos

  • A segurança dos nossos produtos : a nossa prioridade absoluta

  • A Qualidade no centro dos nossos produtos

  • Os metais pesados

  • Os nossos métodos alternativos aos testes em animais

  • O respeito das regulamentações dos produtos cosméticos